Auxiliar de biblioteca UFAL Análise de prova

by Gustavo Henn on 13 de julho de 2009

Foi realizada nesse domingo a prova de auxiliar de biblioteca da UFAL. Foram 30 questões de conhecimentos específicos. Foi uma prova boa, difícil. Em alguns pontos, acho que foi além do que deveria ser exigido para auxiliar de biblioteca.

Como pode ser que alguém queira entrar com recurso, vou iniciar pelas questões que, na minha opinião, não estão de acordo com o programa apresentado. Antes, porém, é preciso relembrar o programa, abaixo:

1. Bibliotecas: tipos e conceitos; 2. Estrutura física da biblioteca; 3. Organização funcional da biblioteca; 4. Acervo: seleção/aquisição, tratamento técnico; 5. Armazenagem da documentação, preservação do acervo; 6. Catálogos: tipos e referências; 7. Serviços aos usuários: Treinamento, orientação e consulta, referência, clipping, pesquisas e levantamentos bibliográficos, DSI e empréstimo.

33. De acordo com a ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas, pode-se definir Folheto como:
A) Publicação não periódica, que contém acima de 49 páginas.
B) Publicação em fascículos, números ou partes, editadas a intervalos prefixados.
C) Publicação não periódica, que contém, no mínimo, 5 e, no máximo, 49 páginas.
D) Texto de esclarecimento, comentário ou apresentação.
E) Cartazes, quadros, fotografias, gravuras ou selos.

No programa não tem ABNT. Aliás, a questão não ter citado qual a norma da ABNT que define isso foi um erro crasso.

37. Numere a segunda coluna de acordo com a primeira.
1ª coluna 2ª coluna
1. Elemento Pré-textual ( ) Resumo
2. Elemento Textual ( ) Introdução
3. Elemento Pós-textual ( ) Sumário
( ) Apêndice
( ) Desenvolvimento
( ) Anexos
A sequência numérica correta, de cima para baixo, é:
A) 3 – 3 – 2 – 1 – 2 – 1
B) 1 – 2 – 1 – 3 – 2 – 3
C) 2 – 1 – 2 – 3 – 1 – 3
D) 3 – 1 – 2 – 1 – 3 – 2
E) 1 – 3 – 2 – 2 – 3 – 1

A questão trata das partes do livro. Mas o programa não deixa claro isso. Pra mim, as partes físicas do livro são importantes, mas as partes internas, não.

51. Citação direta (literal ou textual) é a transcrição literal de parte do texto de outro autor. Esse tipo de citação pode ser apresentado de duas formas diferentes:
A) citações curtas (até três linhas) e citações longas (mais de três linhas).
B) citações curtas (até duas linhas) e citações longas (mais de duas linhas).
C) citações curtas (até duas linhas) e citações longas (mais de quatro linhas).
D) citações curtas (até três linhas) e citações longas (mais de quatro linhas).
E) citações curtas (até duas linhas) e citações longas (mais de cinco linhas).

Outra questão de normalização que não está no programa.

O livro Auxiliar de Biblioteca, de Divina Silva e Iza Araújo, da Thesaurus, foi amplamente utilizado. Quem estudou por ele fez ótima prova. O post que escrevi com algumas noções básicas também foi útil, para algumas questões ele foi suficiente, e isso me deixa contente. Aproveito para agradecer todos os incentivos, aos poucos irei melhorar ainda mais a apostila.

A prova que utilizei para comentar foi do Tipo 01. Em algumas questões, cabe recurso quanto ao gabarito para mudança, e para anular a questão (duas respostas corretas).

34. O Número de Chamada é
A) composto do número de classificação, do número correspondente ao sobrenome do autor e do número de
usuário. Pode conter, também, os principais dados da publicação, como área de título e área de local, editora e data. Corresponde ao endereço do material na estante.
B) registro Catalográfico Legível por Computador.
C) ponto de acesso principal, podendo ser entidade ou evento.
D) composto do número de classificação, do número correspondente ao sobrenome do autor e das iniciais do
título da obra e do sobrenome do autor. Corresponde ao endereço do material na estante.
E) número dado a cada usuário da biblioteca.

Esta questão está na apostila. Número de chamada é o número pelo qual é possível “chamar” encontrar o livro na estante. Resposta D. No gabarito está A – o que é errado pois não contém número de usuário muito menos dados da publicação. Resposta: D.

36. Compete a Seção de Empréstimo:
A) pré-catalogar o material.
B) manter um cadastro atualizado das bibliotecas que têm interesse em permutar.
C) providenciar compras de material permanente.
D) encomendar e comprar livros.
E) fazer o registro dos leitores e reservas, sob pedido dos usuários.

As opções B,C e D são do setor de desenvolvimento de coleções. Apenas a alternativa E tem a ver com o empréstimo (circulação), em sistemas automatizados isso é bem mais fácil de fazer.

43. Uma Unidade de Informação adota o Sistema de Classificação Decimal Universal na organização do seu acervo. Com base nesse sistema, observe os diversos documentos representados no quadro abaixo.

Documento Classificação
1 622. 001
2 622 (81)
3 622 + 669
4 622 “20″
5 622
6 622=00

Nesse sentido, a opção que representa a ordem correta de arquivamento desses documentos é:

A) 6 – 5 – 4 – 1 – 2 – 3.
B) 5 – 4 – 2 – 3 – 1 – 6.
C) 3 – 5 – 6 – 2 – 4 – 1.
D) 1 – 5 – 6 – 4 – 3 – 2.
E) 2 – 1 – 3 – 5 – 4 – 6.

Essa é uma questão de ordem de arquivamento da CDU. Na minha opinião é algo que exige um conhecimento prévio da CDU, embora esteja dentro das atribuições do auxiliar de biblioteca. Resposta: C

46. Agrupar livros segundo os assuntos de que tratam se refere à atividade de

A) catalogação.
B) inventário.
C) referência.
D) circulação.
E) classificação

A catalogação representa o documento de acordo com sua parte física – representação descritiva. Inventário levanta tudo que há no acervo. Referência e circulação são serviços. Classificação é a atividade que representa o assunto – representação temática. Resposta E.

?

47. Associe os tipos de bibliotecas às suas respectivas
definições, numerando a segunda coluna de acordo com a
primeira.
1ª coluna 2ª coluna
I. Nacional ( ) Existe em função de um grupo restrito
de usuários, reunindo e divulgando
documentos de um campo específico
do conhecimento.
II. Pública ( ) Atende às necessidades de estudo,
consulta e pesquisa de professores e
alunos do ensino superior.
III. Universitária ( ) Visa à preservação da memória
nacional.
IV. Especializada ( ) Atende às necessidades de estudo,
consulta e recreação de determinada
comunidade, independente de classe
social, cor, religião ou profissão.
A sequência correta, de cima para baixo, é:
A) II – I – III – IV.
B) I – IV – III – II.
C) II – IV – III – I.
D) III – II – I – IV.
E) IV – III – I – II.

Questão básica de tipologia de bibliotecas. Bastava saber que biblioteca universitária atende às necessidades do ensino superior para acertar a questão. Resposta E.

50. O Programa de Comutação Bibliográfica (COMUT) permite
A) organizar um catálogo de publicações seriadas nacionais e
internacionais, de acordo com o número de chamada,
baseando-se na imprenta.
B) obter cópias de documentos técnico-científicos disponíveis
nos acervos das bibliotecas brasileiras e em serviços de
informação internacionais.
C) disponibilizar documentos primários nacionais e
internacionais, ajudando na preservação da memória e
difusão do conhecimento.
D) contribuir para o desenvolvimento de programas para a
automação das rotinas de bibliotecas, auxiliando nas
atividades.
E) fornecer apenas fotocópias das normas documentais
nacionais e internacionais aos usuários mais antigos
inscritos na biblioteca.

Questão boa também, embora exija um pouco de conhecimento prático de biblioteca universitária, mesmo que seja de uso. Resposta B.

53. São documentos iconográficos:
A) cartazes, fotografias e selos.
B) quadros, gravuras e transparências.
C) desenhos, diapositivos (slides) e selos.
D) cartazes, filmes e mapas.
E) fotografias, gravuras e esculturas.

Documentos iconográficos são documentos com “ícones”. Esta questão apresenta duas respostas corretas, letras A e B (SILVA, ARAUJO, 2003, p. 54). Cabe recurso.

54. São inimigos dos materiais bibliográficos:
A) papel japonês ou de seda.
B) cola metilcelulose.
C) refilamento.
D) colagem do cabeceado.
E) poluição atmosférica, poeira e acidez.

Resposta fácil. Basta saber que poluição sempre vai ser inimigo. Resposta E.

Força nos estudos!!!

64 comentários

{ 64 comments… read them below or add one }

Laryssa 22 de agosto de 2009 às 12:07 pm

Gustavo, por gentileza me informe os dados básicos do livro (EDIÇÃO,ANO) e o número da página do livro Organização e Administração de Bibliotecas de Heloisa Almeida Prado que fale sobre “entrada principal”, pois o livro não está disponível na biblioteca e não tenho como ter acesso ao mesmo p/ elaborar o recurso, desde já obrigada!

André Gois 22 de agosto de 2009 às 12:22 pm

Outro ponto possível de contestação: se foi pedido para alfabetar “por autor” e somente forneceram o nome do tradutor de um livro contendo um índice geral com a classificação internacional de doenças (obra de medicina), esta Ficha não pederia ser impugnada ?? agradeço.

Gustavo Henn 22 de agosto de 2009 às 4:23 pm

Olá Laryssa. Não tenho esse livro comigo, infelizmente. Mas você pode usar qualquer um que trate de catalogação. boa sorte.

Gustavo Henn 22 de agosto de 2009 às 4:26 pm

Então, André, me reporto ao que digo desde o início. Acredito que a prova deveria ter usado o termo “Entrada Principal” e não o termo autor. O Cutter se refere à Entrada Principal, que pode ser autor ou título. Boa sorte.

André Gois 24 de agosto de 2009 às 7:29 am

Caro Gustavo, pergunto se faz sentido, de acordo com o bom senso e as regras da Biblioteconomia, organisar um Fichário de obras emprestadas aos usuários de uma biblioteca com base, em alguns casos, em ENTRADA SECUNDÁRIA (autor secundário, tradutor, ilustrador etc) quando o documento possui uma entrada principal, Autor principal, pessoa física ou entidade . A Palavra’AUTOR” EM SENTIDO LATO, comporta estas entradas secundárias em fichas catalográficas , em certos fichários-catálogos,mas isto não seria incoerente em um simples Fichário de empréstimos ??? Agradeço, peço sua opinião

Gustavo Henn 24 de agosto de 2009 às 8:12 am

Olá André! Não faz sentido e não está de acordo com nenhuma regra.

André Gois 24 de agosto de 2009 às 11:52 am

Obrigado, posso citar sua opinião abalisada de profissional da área, anexando cópia deste nosso contato através do Blog em um recurso – concurso UFAL/2009 ?? somente se vc me autorisar.

André 26 de agosto de 2009 às 11:53 am

Nem foi necessário, mas agradeço sempre os esclarecimentos neste blog, vou continuar acompanhando as novidades e me informando com ele, valeu.

Mila 8 de setembro de 2009 às 12:51 pm

Gustavo, estou com a prova em mãos e o enunciado era o seguinte: “você está recebendo 25 fichas de empréstimo da biblioteca em que trabalha. Sua atividade é organizá-las (alfabetadas) por ordem de autores. Após realizar a organização (alfabetação), transcreva a sua resposta seguindo a ordem do número indicado no círculo preto.”
Ocorre que todas as fichas continham o título, porém algumas continham autor principal apenas, outras autor principal e secundário e outras o autor secundário.

Aí eu pergunto: Como deveriam ser organizadas essas fichas?

Se a resposta foi a mesma que você já deu anteriormente afirmando que “Não faz sentido e não está de acordo com nenhuma regra”, então gostaria que você me indicasse quais são essas regras e em que livro posso encontrá-las.
É que eu e mais 5 pessoas vamos entrar com recurso para anular a prova e se eu puder alegar que a prova foi mal feita (pra isso preciso ter fundamento em algum livro, artigo ou coisa do tipo), será ainda melhor.

Obrigada por toda a atenção desde já!

Gustavo Henn 8 de setembro de 2009 às 3:19 pm

Olá Mila! Olha, a prova foi bem feita. Não tem nada de errado com a prova. Tem que ver se a correção foi bem feita, aí sim é outra história. abs.

Nara 19 de fevereiro de 2010 às 10:26 pm

;

laura 22 de dezembro de 2010 às 2:49 pm

Gustavo a resposta certa da questão 47, não seria a letra A, pois e de cima para baixo?

Silvia 28 de janeiro de 2011 às 12:37 pm

Boa tarde!
Vou prestar um concurso que abordará os seguintes assuntos:
História e conceituação da Biblioteca Universitária. Serviço de Referência: Conceituação. Usuários.
Principais categorias de usuários. Coleção e Referência. Diferentes tipos de documentos. Serviços
prestados aos usuários. Arranjos dos livros nas estantes. Serviços Cooperativos. Serviço de Tratamento de Coleção: Atividades Básicas. Aquisição/Tombamento. Classificação/Catalogação. Catálogos coletivos. Regras para arquivamento e alfabetação. Informatização de Bibliotecas Universitárias.
Onde posso encontrar material para estudar?
Preciso de ajuda.
Muito obrigada

Jéssica Moreira 1 de abril de 2014 às 12:24 pm

Olá boa tarde! Estou preparando a estudar, fazer na prova no dia 13/04/2014. Preciso saber sobre Concursos Publicos IFF técnico administrativo eduacação no cargo de auxiliar de biblioteca, tem apostila?
Contato meu email: jvbm.loira@gmail.com/jvbm.loira@hotmail.com, ok?
Aguardo resposta com urgente!

Leave a Comment